FGV: confiança do comércio cai 0,8 ponto em julho ante junho, para 88,8 pontos

Parcela de empresários do comércio que considera seus estoques elevados atinge maior nível desde abril de 2017
25 de julho de 2018
Vendas do comércio varejista na região de Ribeirão Preto crescem 7,8% e atingem R$ 3,2 bilhões em abril
27 de julho de 2018

O Índice de Confiança do Comércio (Icom) caiu 0,8 ponto na passagem de junho para julho, atingindo 88,8 pontos, o menor nível desde agosto de 2017, informou nesta quarta-feira, 25, a Fundação Getulio Vargas (FGV). Em médias móveis trimestrais, o indicador recuou 2,6 pontos.

“O resultado negativo de julho sugere que o setor continua perdendo o fôlego da recuperação que vinha ocorrendo até o início do ano. A avaliação desfavorável sobre a demanda e a vagarosa retomada do mercado de trabalho contribuíram para a piora da percepção sobre a situação atual. Os resultados indicam que os empresários do setor continuarão cautelosos nos próximos meses, sob influência dos níveis elevados de incerteza política e econômica”, avaliou Rodolpho Tobler, coordenador da Sondagem do Comércio no Instituto Brasileiro de Economia da FGV (Ibre/FGV), em nota oficial.

Em julho, houve queda da confiança em quatro dos 13 segmentos pesquisados. O Índice de Situação Atual (ISA-COM) caiu 0,7 ponto, para 86,5 pontos. O item que mede a percepção dos empresários com o volume da demanda no momento atual recuou 3,1 pontos, para 86,3 pontos. A avaliação da situação atual dos negócios, porém, avançou 1,7 ponto, para 87,1 pontos.

Já o Índice de Expectativas (IE-COM) diminuiu 0,6 ponto em julho, para 91,8 pontos, influenciado pela piora na avaliação sobre as vendas previstas, que recuou 2,2 pontos, para 91,1 pontos. O item que mede a tendência dos negócios para os próximos seis meses, entretanto, cresceu 0,9 ponto, para 92,8 pontos.

A coleta de dados para a edição de julho da Sondagem do Comércio foi realizada pela FGV entre os dias 2 e 23 do mês e obteve informações de 1.116 empresas.

Fonte: Isto É

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *