Prefeitura reconhece Óticas e empresas de Poda e Jardinagem como essenciais no período de quarentena

Novos hábitos vão transformar comércio e serviços
9 de abril de 2020
Crise causada por coronavírus pode provocar perda de pelo menos R$ 115 bilhões ao comércio varejista nacional
14 de abril de 2020

O prefeito de Ribeirão Preto, Duarte Nogueira, esclareceu na tarde da última quinta-feira (9/4), por meio de uma Live, que empresas dos ramos de Óticas e também de Poda e Jardinagem são consideradas essenciais para o setor de saúde. Desta forma esses estabelecimentos estão liberados para funcionar no período de quarentena.

No caso das óticas, Nogueira entendeu que são essenciais os serviços que atendem receituários médicos bem como a confecção de óculos para os pacientes. No caso da poda e jardinagem, o prefeito entendeu que o serviço é essencial para a higienização e limpeza de terrenos e espaços abertos, contribuindo para a prevenção em saúde de diversas doenças.

O questionamento foi levado diretamente ao prefeito, ao longo dessa semana, pelo SINCOVARP – Sindicato do Comércio Varejista de Ribeirão Preto e pela CDL Ribeirão Preto (Câmara de Dirigentes Lojistas), em reforço às diversas dúvidas manifestadas junto à Central de Atendimento ao Lojista, criada e mantida pelas duas instituições representativas do comércio varejista.

“Defendemos a reabertura do comércio varejista, ainda que de forma gradativa e o mais rápido possível. No entanto, esse entendimento anunciado hoje pelo prefeito, em relação às óticas e empresas de poda e jardinagem, já representa um pequeno avanço. Vamos continuar reivindicando a retomada das atividades econômicas, sempre defendendo os nossos lojistas”, afirma Paulo César Garcia Lopes, presidente do SINCOVARP e da CDL RP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *