Varejo brasileiro cai 22,4% desde o início do surto de coronavírus

Varejo brasileiro perde 21% de faturamento em março, com maior baque de até 80% em serviços
3 de abril de 2020
Após queda em janeiro, vendas no varejo crescem 1,2% em fevereiro
7 de abril de 2020

O varejo brasileiro sofreu impacto negativo de 22,4% com o surto de coronavírus no país, de acordo com um levantamento realizado pela Cielo (CIEL3). Entre 1º de março e 2 de abril, o faturamento nominal total apresentou queda em todas as semanas, com agravamento maior no fim do terceiro mês, de -52,3%.

Analisando por setores, Serviços – que compreende Turismo e Transporte e Bares e Restaurantes – foi o que mais apresentou queda, de 47,8%.

Ficou para Bens Não Duráveis, com Supermercados e Hipermercados e Drogarias e Farmácias, atenuar o impacto da doença. O grupo registrou crescimento de 3% no período.

Fonte: Money Times

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *