Comércio se prepara para vendas de Páscoa

Páscoa já gera renda no varejo e contratações na indústria
26 de fevereiro de 2020
Dólar sobe, vendido perto de R$ 4,49
28 de fevereiro de 2020

Após o Carnaval, os comércios locais se preparam para suprir suas lojas com ovos de chocolate para a Páscoa.

O gerente de uma loja especializada em chocolates. Otávio Gaisller, de 29 anos, a expectativa para este ano é alta. “Normalmente no período de Páscoa temos uma venda três vezes maior do que em relação aos meses convencionais. Para este ano já fizemos um pedido esperando um crescimento de 30% em relação à Páscoa anterior”, conta o jovem, valendo-se de que no último ano, a oferta não foi capaz de suprir a demanda.

Em algumas cidades do interior paulista, a produção de ovos de Páscoa já teve um aumento médio em torno de 15%. Nos supermercados de Jundiaí o cenário ainda é impreciso. Poucos estabelecimentos possuem ovos de chocolate nas prateleiras e, a maioria, ainda está recebendo mercadoria para as próximas semanas, em que os consumidores prometem chegar com sede ao pote, ou aos ovos.

A princípio, Gaisller conta que a procura partiu apenas por parte de empresas que se programam previamente com grandes pedidos para presentear seus colaboradores.

Para aqueles que também pretendem presentear seus entes queridos, o ideal é que desde já preparem os bolsos. “Acreditamos que haverá um aumento de 10% no valor em relação ao ano anterior, mas ainda assim, nosso preço permanecerá mais acessível se comparado com os concorrentes”, afirma o gerente.

Fonte: Jornal de Jundiaí

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *